Pesquisar este blog

terça-feira, 25 de abril de 2017

Plebiscito prerrogativa popular... O 25 de Abril




Durante 48 anos o dragão de macia voz seminarista de padre do interior, mas com bafo de ambição vindo afogueado dos infernos, governou Portugal com mão de ferro. Era fascista como Francisco Franco, era germanófilo hitlerista, mas por causa da aliança com a Inglaterra ficou neutro na 2a Guerra Mundial. Se não ficasse, teria que lutar contra os aliados ou contra a Espanha que já tinha sido ajudada por Hitler. Nada disso interessava. Picasso pintou Guernica por causa da mortandade de civis, muitos eram crianças, que houve por lá...

Salvo uma ou outra tentativa de golpe, antes da revolução dos cravos, sempre frustrada, não se elegeram heróis, ou ficaram esquecidos. Esta coisa de ser-se herói é sempre muito disputada, a preferência é sempre dos que estão vivos e têm cargos políticos. Mormente nesta caso do dragão da ditadura estando ele já moribundo, que heróis poderia haver???..
No caso da revolução dos cravos tudo começou com uma heroína: Uma cadeira!
Não fosse a cadeira, Salazar ainda governaria como múmia até hoje, sem heróis de revolução.

Quando chegou o 25 de abril em 1974, apareceram os heróis no melhor estilo bolchevique proletário soviético: Foi a "arraia miúda dos bravos e heroicos cabos, sargentos, furriéis e tenentes. Nenhum figurão conhecido. Sem tiros, nada. Uma revolução tão morna e fácil que já poderia ter sido feita antes. Faltavam era heróis, cavaleiros andantes, Mario Soares, e outros que se escondiam por ai, bem longe do dragão!!!! Camoês não os cantaria em versos.

Depois dos heróis sem nome da arraia miúda, apareceram pequenos heróis valentões que expulsaram empresários de suas fábricas e escritórios com canos foices e martelos. Conheci alguns destes empresários no Brasil. Ainda no governo do Eanes, foram chamados para retomarem os negócios. Voltaram porque o governo lhes depositou em conta o que lhes havia sido roubado durante o processo revolucionário bolchevique marxista-leninista e coisa e tal, uma conversa para boi dormir com um olho aberto e outro também...
Por ainda algum tempo andaram lá dando tiros em Africa, coisa que nunca deveriam ter feito, porque servia para defender o dragão que cairia da cadeira, e ajudaram a criar ódios que mataram muita gente inocente... Havia uma porção de melhores caminhos sem ser o da guerra. Faltou inteligência e verdadeiros heróis... Porque, afinal, se as "colonias" queriam ser comunistas e a revolução dos cravos foi essencialmente comunista, porque se guerreavam em Africa em vez de se darem as mãos? Por medo do dragão e de sua policia,muito provavelmente!

Atualmente Portugal tem uma divida externa imensa, deve o couro e a alma ao FMI. Ha fatos, como a de uma ministra das finanças que preferiu vender toneladas de ouro a reduzir os custos operacionais do governo para reduzir as despesas. Muito fácil ser ministro, assim, enquanto houver ouro. Mas o ouro deve ter acabado, a julgar pela atual situação econômica.
Pela queda dessa doença a que se chama socialismo e comunismo, e que sejamos mais inteligentes do que o estado. O Estado tem que agir conforme a população deseja... Plebiscitos devem ser uma prerrogativa popular e não do Estado...

Rui Rodrigues

Nelson Rodrigues e a Mídia


A imagem pode conter: 1 pessoa, texto e close-up

Como funciona a Mídia ao redor do mundo:

1- Os jornalistas fazem o seu trabalho normalmente. Deles será o reino dos céus! são pagos pelos veículos de comunicação pelos quais foram contratados, e via de regra são honestos de princípios. Normalmente não ficam ricos exceto se fizerem propaganda para empresas que precisavam de propaganda para vender, como umas que vendiam carnes podres financiadas com verbas publicas.

2- Os veículos de comunicação, vivem de "anúncios", "aficionados" e propaganda ou "matéria" paga. Governos e partidos políticos costumam pagar para veicular artigos, noticias, propaganda politica. Tentam fazer moda, fazer opinião. Normalmente "forçam situações". Normalmente são ricos, porque são pagos a peso de ouro com verbas publicas para eleger políticos que sem propaganda não se elegeriam.

No Reino Unido parte da imprensa ainda não se conforma com o Brexit, com Theresa May e chegam a publicar diariamente cartoons com ela pintada de bruxa. Tentam boicotar seu trabalho.
Nos EUA parte da Imprensa ainda não se habituou com Trump eleito democraticamente. Alguns artistas pensam que ainda fazem opinião e tentam boicotar o seu trabalho.
Na França, a comunidade "mediática" está atônita com a derrota "atômica" da esquerda... A mídia de lá ainda divide politicamente os cidadãos entre esquerda e direita, referindo-se certamente aos de cima quando fala de direita e aos debaixo quando se refere ao da esquerda que por acaso estavam em cima nos últimos anos, ficaram por baixo, se decepcionaram, e agora são de direita. Portugal está estarrecido! O governo esquerdista que governa esgrimindo táticas discursivas meândricas cheias de floreados góticos sorridentes, menospreza com um silêncio ribombante...

Ainda bem que o mundo odeia o tédio e muda de vez em quando sem que o mandem.

O Nelson Rodrigues...


Vontade de chamar o Nelson Rodrigues, tirá-lo do descanso eterno por uns dois minutos, e dizer-lhe: Vem cá ver isto... Vem divertir-te um pouco: O Fluminense enfiou 3 a zero no Vasco e presta atenção: Primeiro a Televisão matou a janela, como disseste, mas agora veio a NET e matou a Televisão... E os sucessores de D. Helder só olham o céu para saber se levam ou não o guarda-chuva, como muito bem analisaste.

Rui Rodrigues

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Mapuche... "viver", ser um "povo", ter "independência", ser "livre"

Para que se entenda o que é "viver", ser um "povo", ter "independência", ser "livre"...
Imagem relacionada
O povo Mapuche, por exemplo, do Chile.

Eles viviam em lutas com povos das vizinhanças, querendo dominar os demais. Os outros faziam o mesmo. Ora se defendiam, ora atacavam. O nome do deserto de ATACAMA deve vir de "ataque" mesmo...

Então chegaram os Incas e creu!!!

E os Mapuches dominados, passaram a sentir-se Incas. Foi assim quando chegaram os espanhóis e Creu!!!

E os Mapuches dominados, passaram a sentir-se espanhóis!!!

Mas passado algum tempo chegaram os chilenos, que eram "espanhóis" que queriam o que os "incas" queriam, que era o que os Mapuches haviam querido, e Creu!

Dizem que os Mapuches continuam com suas tradições dos tempos dos Incas, dizem-se chilenos em certas circunstancias.

Tinha acontecido exatamente a mesma coisa com espanhóis (e portugueses) na península Ibérica quando foram invadidos por romanos, suevos, alamanos, visigodos, árabes...

Mas os caras não se lembravam!

De que - exatamente - não nos lembramos neste momento histórico que o mundo atravessa???? Melhor que nos lembremos! E se não nos lembramos que consultemos os livros de história. Vamos precisar muito!!

Rui Rodrigues

sexta-feira, 21 de abril de 2017

O Bem e o mal dos apostadores em meio Kafkiano


A imagem pode conter: 1 pessoa

Do bem e do mal e de como aparecem.

Para que se veja o quanto conhecemos deste mundo, em verdade em verdade vos digo que se juntarem um grupo de 20 irrepreensíveis santos e santas, e mandarem para o deserto, em uma semana terão escolhido alguém para ser diabo ou diaba sem consentimento do escolhido...

Assim que não se preocupem... O mal, mesmo que não exista, se faz sempre necessário.

Por isso muitos santos serão de mentira neste mundo e muitos diabos também... Jesus passou 40 dias e 40 noites sendo tentado no deserto não... Apenas foi visitar um grande amigo que maltrataram e aprender com ele como surge o mal. Voltou ileso, ele um simples homem que não pode evitar a morte, contra um ser poderoso do outro mundo...

A imagem pode conter: 1 pessoa, barbaE Jesus disse ao demônio: Não insistas!... Quatro coisas que não serei: Comunista, Gay, petista e a favor desse Chico argentino!!!

Um pouco de Franz Kafka sem Nescafkaína, mas mesmo assim sobre "O processo".
Os incompetentes sequiosos de poder e dinheiro caem num processo que os envolve... Primeiro é um só apoiado por alguém que distribui a "grana" sem se preocuparem de onde vem a tal grana , como o Lula por exemplo...
Para ter ajuda, promete algo para um "braço direito"... Depois são dois e começam a dividir o "bolo", a grana...Depois mil, um milhão... E o bolo vira "pedacinho" de bolo que nem gosto tem...

Então surgem as revoltas e os Lulas caem... Kafka olhava para os "processos", Lula para o próprio umbigo. Ambos pensavam em processos, mas Lula nunca pensou num processo sobre os seus processos de processar a grana... Agora pensa!!!!

Kafka faleceu em 1924 um pouco antes de Lula ter nascido, mas mesmo que ainda fosse vivo, Lula jamais leria seus livros... Lula adora um umbigo!!!!


Os apostadores...

Resultado de imagem para maduro e dilma

Normalmente os déspotas e os tiranos e os ditadores, se unem de gente "fiel" que lhes é muito mais importante do que Gente competente... Comunistas, por exemplo, que carecem de conhecimento, preferem também os fieis aos capazes, aos que têm mérito, porque acham que com a força das armas ou das "leis" que eles mesmos fazem ou alteram, podem dominar...

Então abusam... Porque estão com tudo!!!!

De repente vem um problema novo... Cabeludo... Difícil... E buscam por conhecimento, mas estão rodeados de "inúteis" momentâneos... E passam a apostar...

1- Maduro pensa que ninguém terá coragem de o enfrentar pela força, porque o mundo está "lleno y relleno de maricones que se dicen democráticos, mientras Maduro no lo es y tiene cojones"... Mas de tão burro não sabe quem é a Europa e os EUA em seus novos rumos...

2- Quin Gordo Riso acha que Trump blefa como ele e por isso pode continuar sacaneando.. . Mas Quin Gordo Riso já andou pela Disneyland e sabe que Tom não pegava o Jerry porque o Walt Disney não queria acabar com a história dos dois...

3- Raul Castro acha que os interesses econômicos europeus e americanos se sobrepõem a interesses humanitários e que pode continuar com presos políticos em Cuba, tratando a população cubana como escrava, trabalhando para o Estado e entrando em acordos com o Brasil para desviar dinheiro publico para suas contas... Mas esquece que a Europa e os EUA foram para a "direita", a tal odiada deles, e da qual só lhes interessa a grana...

Enfim!.... Um mundo de equivocados falastrões que vão acabar com a boca cheia de formigas... Eles apostam... Pensam que... Julgam que... Imaginam que... E verbos destes em bocas ignorantes nunca chegam aos céus... O paraíso fica logo ali mas não chegam lá...

Rui Rodrigues

Lula x Moro - no assunto das propriedades

Imagina... Um  tateia e o outro tentaculéia... 




- Sabe cumé, ó Serginho... Cê sabe... Dona Maria Leticia gostava muito de se encontrar com os amigos e tinha que ter uma casa apresentável...

- Sim, entendo!... Mas o triplex era seu, as fazendas, o sitio de Atibaia???? ...
- Sabe cumé, ó Serginho... Cê sabe... Nosso salario não é grande que dê pra pagar empregados, condomínios, essa despesa toda... Mal dá pra comer uma farofa com arrodz e dois feijão, meio gole de caxaxa... O que são dois milhão por meiz ??
- Sim, entendo!... Mas o triplex era seu, as fazendas, o sitio de Atibaia????
- Sim... não ... Era um regime de comodato. Como eu não podia pagar as despesa eles me emprestava as dependência e pagava as despesa. Que nem a Rosemary: Ela louca pra me dar e eu ia recusar ????
- E de onde saia a grana pra pagar a Rosemary ???
- Olha seu doto Moro... Serginho se me apermite... Os amigo fizero uma vaquinha... Pagava tudo... Inte o diproma da Dirma... Eu que bobeei e num pedi um pra eu...
- Mas nunca se questionou sobre a ética e a moral e recusar???
- Ah, Seu Moro, sabe cumé, ó Serginho... Cê sabe... Não se pode perder os amigos... Eles queria dar, eu aceitei... Sou pobre e humirde... tô inté pensando em devorver as prataria do palácio, junto com uns rolos de paper hingienico, dois goles de caxaxa, três pratinhos de prastico, e uma carcinha que a Rosemary deixou na gaveta de meu criado mudo. Alem do mais eu tinha que satisfazer as vontades de dona Letícia... Ela era a mamãe de meus lindos e honestos filhos, tudo gente humirde, trabalhadeira e pobre...
- Quer dizer, senhor Lula que o senhor acabava economizando o dinheiro dos seus salários sem ter despesa alguma...
-Sim, seu doto... Sim... Mas isso é uma consequença do que acabo de dizer... Uma consequença... Morô, Moro ???


Nossa redação não sabe como vai acabar tudo isto...

Rui Rodrigues

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Ai meus deuses... Valha-me eu !!!


Resultado de imagem para tlaloc

Céu nublado, nuvens, mas sem chuva, e pensei em orar a Tlaloc, esgotadas que estavam minhas preces a Odin, Jesus Cristo, Mafamede, Buda que nem são deste continente, Vishnu que é do mesmo continente de Buda, Hórus e Netuno já aposentados, Manitu e a um balaio cheio de antigos e modernos deuses e profetas... Chuva de água nem gota, nem de orvalho matinal, e acabo de lembrar que os profetas sumiram do mundo. Aposentaram-se! 

Tlaloc foi um deus Maya, América do Sul, que se aposentou por falta de fiéis. Eles, os Incas e os Aztecas herdaram  dos Olmecas e Toltecas o mesmo Deus Sol e deuses menores todos sedentos de sangue. Tlaloc exigia sangue humano em troca de chuva. De uma assentada só, foram mais de 20.000 cidadãos por que ele não sabia do efeito "El ni
ño" que causa secas. Os sacerdotes ficavam com as casas e bens dos sacrificados. Um dia, quando as populações começaram a diminuir drasticamente, os que sobraram as abandonaram. Devem ter matado os sacerdotes.
Para poderem ver como era a aparência dos deuses, os sacerdotes tomavam uma bebida fermentada de milho, a chicha, e o peyote da fermentação de um cactus. Índios da Amazônia lhes traziam sapos, vesículas de baiacu e curare que os faziam ter alucinações e "ver" os deuses. Eu tenho ojeriza a drogas. Uma vez fumei maconha, fui tomado de uma  ansiedade que o que eu queria era sair de casa, ir pra bem longe. Por sorte estava acompanhado. Mas antes disso tive um furúnculo que tinha de ser "esgravatado" com uma colher e eu deveria ser anestesiado. Que nada!... Mandei fazer a sangue frio... Doeu um pouco mas pensei: C'os diabos! Ninguém está me matando. Isto vai passar em menos de um minuto. Foi batata! Quem me foi levar no Hospital foi um estagiário que já morreu, atropelado por um caminhão que descia na benguela na Rio Teresópolis, enquanto ele trocava um pneu. Era paraguaio. Um dia me lembrarei do nome dele. Esgravataram rápido mesmo.  Mas os sacerdotes e sacerdotisas gregas tomavam ephedrina ou mandrágora, inalavam gases tóxicos de fontes termais, como na ilha de Delphos, os egípcios usavam a papoula e o cânhamo, bem como a flor de L
ótus. Os apóstolos entornavam umas boas garrafas de vinho. Não bebiam a popular cerveja, não! E era do tinto, porque naquela época o vinho branco era coisa de mulher... Mas não deixa de ser interessante como Jesus lhes dissera aos apóstolos para tomarem vinho como se fosse seu sangue em sacrifício e comessem pão como se fosse seu corpo, sendo que Tlaloc a milhares de km de distância nem exigia tanto, porque só queria o sangue. Estranhas religiões que exigem sacrifícios ainda que velados, escondidos, gerando sentimentos que quase obrigam a se submeter de boa fé... 


Resolvi portanto tomar umas doses de cachaça e uma garrafa de vinho para ver os tão falados "deuses". Poderia até ser o tal Tlaloc porque o que eu queria mesmo era chuva. Queria ver se ele tinha coragem de me pedir sacrifício humano, espicaçar meu pênis para sair sangue, ou furar minhas orelhas e deixar pingar dias a fio, como os sacerdotes Mayas e Incas e Aztecas exigiam até de chefes Incas para os dominar. Uma  garrafa de 0,75 e duas gordas doses de cachaça foram suficientes para me deixar em transe... Pra ficar melhor, fechei portas e janelas, apaguei as luzes, acendi uma boca de fogão pra ter o "sol" como testemunha. Acendi uns incensos baratos importados da China. Uma boca de fogão imita direitinho o Sol assim como a hóstia imita a carne de Jesus. Deveriam ser vermelhas. Sinceramente, longe de mim beber o sangue  e comer a carne de alguém, mesmo que fosse de mentirinha, mas quando eu era criança ainda comunguei e comi hóstias (mas só o sacerdote bebia o vinho porque era muito caro e não dava pra todos os fiéis) e quando percebi que era um sacrilégio para com o Pai dele, pedi perdão ao Pai e deixei de comer o filho... Ainda mais quando percebi que por questões de economia o padre da freguesia mandou diminuir a espessura e o diâmetro das hóstias.

Resultado de imagem para toutatisE vi um panteão de deuses com estes olhos que a terra não há-de comer porque pretendo ser cremado com gás de bujão... Um bujão chega porque não sou tão gordo nem tão alto como o Golias, aquele que levou com uma pedrada na testa, bem mandada pelo David, aquele de pau pequeno que o Michelangelo esculpiu em mármore de Carrara, coisa fina de se ver.

Toutatis que era francês e Celta, disse-me

- Olha meu filho... Se eu no meu tempo servisse um vinho desses, ia sentir a maior vergonha do mundo. E essa cachaça parece mais com mijo de lula. O povo da floresta dos Carnutes ia me xingar até a ultima geração se lhes servisse uma coisa horrorosa dessas ... "Ce vin est fait avec un marteau. Il est martelée", que traduzido significa "vinho feito a martelo". E foi-se embora não sei pra onde.

Resultado de imagem para artemisa
Então apareceu uma perna de um deus. Sabia que era de um deus porque era de mulher, grega, muito bem feita, aquele vestido de seda subindo a barra pela perna, eu ia ficando doido... Ela me disse: 
- Eu sou Ártemis, deusa grega... Para os amigos, sou Têtê, da Ilha de Delfos! Conhece o Alexandre o Grande, o que conquistou o mundo todo depois de matar o pai???? (Eu aquiesci com a cabeça e ela continuou subindo cada vez mais a barra do vestido). Quando eu soube que ele ia consultar a pitonisa antes de iniciar as conquistas dele, eu fiquei no lugar dela e me fiz de doidona. Pois olha... Ele conquistou nada. Foram os generais dele a quem dava territórios, jóias, títulos. Ele não gostava de mulheres. Gostava de generais e moçoilos. Ele saiu do Templo de Delphos rindo e sabia porquê!... Devia ser chamado de "Alexandre o minúsculo". Disse-lhe e ameacei-o. Pedi-lhe um território em troca, em Atenas, pra ficar calada. Ele mandou matar a pitonisa, mas claro, nunca foi encontrada. (A barra da saia já estava pela cintura... Me chamou: - Vem cá, vem!!!
(Não fui. Mania de deuses transarem com terrestres fugidos do paraíso. Quase todos transaram com terrestres. Não queria meus genes metidos nisso)

Resultado de imagem para eolo deus do vento
- Olá! Sou o deus Éolo. O dos ventos e da Rosa. Sopro quando quero encapelar os mares, afundar navios, levantar as saias das meninas, jogar areia nos olhos de praianos, mas pra limpar os céus, uso vassoura.
- (Eu respondi-lhe)- Mas os céus estão  sempre limpos... Sempre dizemos que deuses estão no céu...
- Que nada, menino!... Então e as nuvens? Acaso não pensas que se eu soprar as nuvens para um lado, chegam outras de outro lado? Nuvens devem ser cuidadosamente varridas para que não sobre nenhuma sobre o azul imaculado. 
- Tá!...  Mas os deuses estão no céu, não estão????
- Quéqué isso, menino!!! Imagina... Deuses também  respiram e sentem frio, senão não seriam feitos à imagem dos homens... Aquilo lá em  cima só com traje espacial e olhe lá ... Sabe aqueles que disseram que viram subir aos céus? Alguém bebeu muito goró ou cheirou algum gás de vulcão pra ver uma coisa dessas,que nem morto ressuscitar, ver a virgem em Fátima... Levou-me a pé até a base do Everest e começamos a subir... A cada 100 metros ficava mais frio e havia menos oxigênio... Em meia hora chegou a ambulância. Eu estava azul!

Resultado de imagem para tlaloc o deus da chuva dos astecas
Apareceu mais um: Tlaloc, da América central... Veio todo emplumado. Bufava. Disse-me: Não brinco mais de ser deus da chuva. Fiz um estágio em Bangladesh, aquilo fica alagado, entra peixe dentro de casa junto com fezes, morre gente sem ser sacrificada. Ninguém quer ser sacrificado. Nem vacas comem. Em lugar nenhum do mundo fazem sacrifícios de humanos, mas fazem sacrifícios com todos os humanos. Os impostos muito altos tornam a vida deles um inferno todos os dias, pior ainda quando não há retorno em conforto público. Morre gente, muita gente por isso. Gente que é sacrificada por outra gente. Tchau... Me aposentei quando um sujeito atarracado, barbudo, ambicioso como ele só, falando tudo errado, enganou o mundo inteirinho dizendo mentiras atrás de mentiras e a última, que era o sujeito mais honesto do mundo, julgando-se candidato a Deus!... Estou preocupado porque ninguém o prende com medo dos poderes que tem. Deuses como antigamente, nunca mais. 

Rui Rodrigues